Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Estapafúrdios do Quotidiano

The love boat...

Avatar do autor estapafurdiosdoquotidiano, 16.07.13

Leitores e leitoras do Estapafúrdios do Qutodiano, estamos aqui, mais uma vez reunidos para celebrar o sagrado matrimónio entre um leitor, e as notícias estapafúrdias que todos os dias trazemos até si. Mas antes de continuarmos, quero apenas perguntar se existe alguém presente que saiba de algum motivo, que inpeça este casamento de se concretizar?! Não? Óptimo… Eu vos declaro, senhor e senhora Estapafúrdios do Quotidiano! Pode beijar… Ups, pode ler o Estapafúrdio!

 

Achou parva a nossa introdução? Não acredita que seja possível um leitor casar com o seu blog favorito? Aí é que você se engana… Havendo amor tudo é possível. Até é possível um homem fazer sexo à bruta com um barco insuflável!

E para o caso do leitor se estar a perguntar, se realmente leu: "Sexo com um barco insuflável?!", Deixe-me que lhe diga que, SIM. Leu muito bem.

 

O nosso estapafúrdio de hoje é sobre Edwin Tobergta, um homem de 34 anos, que foi preso após ter sido apanhado a ter “relações sexuais” com um barco insuflável em Hamilton (EUA). Uma maluquice momentânea ou um mal entendido, pensará o leitor mais céptico. Mas engana-se! Foi algo pensado e com muito amor pelo meio. E para o provar, aqui vos deixamos o relato de uma linda história de amor (insuflável):

 

Corria o ano de 2011 quando algo que estragou a amizade entre Edwin e o seu vizinho. Dois grandes amigos, até um dia em que o vizinho o convidou para uma petiscada em sua casa. Edwin, ao passar pela garagem, olhou de relance para o lindo bote insuflável do vizinho, o bote olhou para ele e trocaram sorrisos maliciosos. Tobergta assim que conseguiu escapar-se da festa, dirigiu-se à garagem e atirou-se ao bote tal e qual um cão a uma perna… Foram horas e horas de sexo louco e desenfreado. Era remos para um lado, boxers para outro, o motor do bote a ronronar como se de uma gata com o cio se tratasse, até que o dono do barco apareceu com a polícia! Foi o drama, o horror! A vergonha do barco foi tanta, que ele acabou por ir parar a outras mãos – e a outras  genitálias, quiçá – enquanto Edwin acabou por ser preso.

Agora, volvidos 2 anos Edwin Tobergta reencontrou a sua paixão. Sem que nada o pudesse prever, ele encontrou novamente o “seu” bote. Mal o viu, tirou as suas roupas e atirou-se a ele como uma lapa se atira a uma rocha. Foram momentos escaldantes, que só culminaram quando ambos atingiram as altas rotações do amor.

Mas infelizmente para este lindo casal, o forrobodó de borracha e pele estava a ser feito junto a uma festa de crianças. Apareceu novamente a polícia e foram mais uma vez separados. Edwin foi acusado de atentado ao pudor e levado para a prisão, com uma fiança estabelecida em 25.000 dólares. E o bote foi levado para a frota da marinha dos EUA, onde será usado - e abusado - por centenas e centenas de homens, que nunca nutrirão qualquer tipo de sentimento por ele.

 

Uma história triste… Mas infelizmente nem sempre o mundo nos traz alegrias. Edwin, o Estapafúrdios do Quotidiano está contigo e se por ventura quiseres, o RIC empresta-te a bóia, da praia, dele. 

GIL

Cuidado! Olha aí… Deixa passar!

Avatar do autor estapafurdiosdoquotidiano, 15.07.13

Olha! Diz que já é segunda-feira, não é verdade? Pois diz que sim. Que pena, não é? Ter de acordar cedo, para ir trabalhar e tal… É muito chato, é… Tenho muita pena de vocês, caros leitores. É muito triste, uma pessoa apenas ter dois dias de descanso por semana. Eu, só por mera embirração, vou ter duas semanas seguidas de descanso… Porquê? PORQUE ESTOU DE FÉRIAS! YEAH! FEELS SO GREAT! FEELS SO GOOD! FEELS SO… Ok, já chega. Vamos lá demonstrar algum respeito para com vocês, leitores trabalhadores. Agora, para os outros leitores que se encontram de férias como eu, não posso ter qualquer tipo de respeito. Lamento, mas não posso. Nem sei bem o porquê, mas não posso… Se me perguntarem o porquê, eu não sei responder. Acordei assim hoje, pronto. Acordei, e a primeira coisa que me ocorreu foi: "RIC, hoje não vais demonstrar qualquer tipo de respeito pelos leitores do Estapafúrdios do Quotidiano, que, como tu, se encontrem de férias." E eu costumo respeitar as minhas decisões matinais. Por isso, não há respeito para com essa gentalha… 

 

Bom, estamos a aproximarmo-nos vertiginosamente da chamada "Silly Season". Por isso, deveria começar a escassear as notícias bizarras, visto que, até as pessoas bizarras decidem ir de férias nesta altura. Mas, não… Elas continuam a acontecer todo o santo dia… Todos os dias, surgem notícias bizarras, parvas e até um pouco estúpidas. E claro, lá está, o Estapafúrdios do Quotidiano não pode deixar de as partilhar com o seu vasto universo de leitores (cerca de 182, segundo contas da página de Facebook – Www.facebook.com/EstapafurdiosDoQuotidiano). E aqui vai a notícia estapafúrdia de hoje… Esperem, tem mesmo de ser? É que estou de férias… Hã? Tem? Pronto, está bem… (Chatos, pá!)

 

"Russo, finta trânsito num carrinho de bagagem…", aqui está ele – o estapafúrdio que vos trago, hoje. Calma! Não comecem já a pensar: "Olha, boa! Que notícia estapafúrdia, esta… Um Russo a fintar o trânsito num carrinho de bagagem… Que maravilha de estapafúrdio… Ó RIC, se fosses pastar para um sítio que eu cá sei, era o melhor que fazias…" Calma, pá… É que existe sempre uma história por detrás da história que possui uma história que não passa, simplesmente, de uma pequena história que, por sua vez, já foi alvo de uma outra história. Hã? Agora fiquei um pouco atordoado… Onde é que eu ia, mesmo? Ah!, sim… O Russo… Por alma de quem, é que ele decidiu ir para o meio do trânsito, fintar o trânsito com um carrinho de bagagem? Olhem, não sei. 

 

Pronto, está feito o estapafúrdio de hoje! Obrigado e até à próxima que eu vou ali dar um mergulho e já venho… Hum? O quê? Se tenho um diálogo entre um investigador e o Russo em questão? Mas, era suposto ter? Ai, era? Ah… Está giro, está… Sim, tenho uma pequena converseta… Hã, já estavam todos tristonhos, porque não haveria um pequeno diálogo… O quê? Nem por isso? Estão cheios de pressa, porque têm uma panela de sopa ao lume? Isto é rápido… Enquanto não cheirar a queimado, está tudo bem… 

 

 

Investigador: Olá! Uoiiii… Calma, aí… Onde é que vai, seu Russo desvairado?! Calma, aí… Espera… Porra, que este Russo é mais esquivo que um suíno coberto de banha acabada de derreter ao sol… ANDA CÁ, PÁ! 

 

Russo: O que é que queres, pá?! 

 

Investigador: Quero apenas falar contigo, pá… Olha, aí… CUIDADO! Olha o carro! Ah!… esquivou-se bem… Este Russo é mesmo maluco… 

 

Russo: O que é que queres, pá? 

 

Investigador: Maluco, e deve sofrer de Alzheimer… Já te disse que quero apenas falar um pouco contigo… 

 

Russo: Sobre? 

 

Investigador: Eh, pá… pára lá com isso, e chega aqui… Olha aí, cuidado com o carro! Ah!…   esquivou-se outra vez… O gajo até é bom nisto… 

 

Russo: Ok, eu falo contigo… Mas só se pagares um Vodka

 

Investigador: Eu logo vi que tinha de existir uma explicação para andares no meio da estrada a fintar os carros com um carrinho de bagagem… Estás bêbado… Só podia ser…

 

Russo: Eu, bêbado? Nada disso, homem… 

 

Investigador: Não? Hum… Então, andas a fumar "cenas"… 

 

Russo: Eu? Nada disso, homem… 

 

Investigador: És um pouco repetitivo, não és? És um pouco limitado ao nível do vocabulário, não és? Bom, então que pancada é essa com o carrinho de bagagem? 

 

Russo: Isto é um protótipo… Eu sou inventor, e estou a testar o Bagage C3-2000

 

Investigador: Hã?

 

Russo: Quem nunca sofreu horrores com carrinhos de bagagem? Quem nunca se esqueceu de segurar o carrinho, enquanto atendia o telemóvel e o raça do carrinho sai disparado para a estrada e é abalroado por um carro, um camião ou mesmo uma mota? Quem? O Bagage C3-2000, é anti-esquecimento… Ele possui vários sensores que o desviam de todos os obstáculos que lhe surjam à frente, de lado e até atrás… É um espectáculo, não é? Uma invenção maravilhosa, não é? Claro que tinha de ser testado. É por isso, que eu ando aqui na estrada a fintar todos os carros. 

 

Investigador: Então e era preciso ires em cima do carrinho? Punhas lá uma bagagem qualquer, e deixava-lo ir à sua vidinha… 

 

Russo: Ah… Olha, mas que giro… Não tinha pensado nisso… Isso é uma grande ideia… Não queres ser meu sócio? Tenho de patentear o Bagage C3-2000, mas não tenho capital para tal… Entravas com o capital e ficavas com 10% dos lucros… Hã? O que dizes? Isto vai-se vender que nem pão quente… Vais ver…

 

Investigador: Nã… Deixa lá isso… Vamos, mas é, embarcar uns vodkas…

 

Russo: VODKA!! Sobe aí, vamos no Bagage C3-2000! É mais rápido… 

 

Investigador: Nã… Deixa lá isso… 



(Russo desvairado, e o seu Bagage C3-2000)

 

 

RIC

 

Padre masturba-se durante a missa!

Avatar do autor estapafurdiosdoquotidiano, 13.07.13

Ora vivas seu leitor preguiçoso! Como está hoje?! Nós aqui no Estapafúrdios do Quotidiano, estamos chateados consigo...
Pedimos-lhe uma opinião sobre um tema para o estapafúrdio -by request - deste fim-de-semana, e você o que faz? O quê? Não faz nada! Não nos ligou «pévias». Ignorou o nosso pedido, como se fossemos um um romeno a vender o Borda D'Agua nos semáforos... Deixe estar, ha-de cá vir... Quer dizer! Já veio não é... Então olhe, só por ter vindo até somos capazes de o perdoar... Só por ter passado por aqui, até lhe iremos escrever um estapafúrdio hoje...

 

O nosso estapafúrdio de hoje é sobre um padre mexicano que foi apanhado a masturbar-se durante a missa, na Igreja de San Miguel Arcangel. Quer saber os motivos que levarem este padre a cometer tal acto? Quer? Quer? A sério que quer? Então para a próxima quando nós lhe pedirmos uma ajudinha com o tema, ajude-nos!


Afinal de contas decidimos não o perdoar! Por isso, não vai ter direito a estapafúrdio!! AH AH AH AH!!!


Somos 'muita maus'... Quer dizer... Somos só assim... A modos que... Mauzinhos. Porque apesar de não lhe contarmos os motivos recônditos desta história, deixamos-lhe o vídeo:

Então adeus e até para a semana...

 GIL