Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Estapafúrdios do Quotidiano

A chegada de Belmiro de Azevedo ao Paraíso...

Avatar do autor estapafurdiosdoquotidiano, 30.11.17

Belmiro de Azevedo foi um dos mais importantes empresários e figura de maior relevância no nosso país. Quem lidava com ele diariamente, diz que se tratava de uma pessoa carrancuda, com extremo mau-feitio mas portador de uma inteligência abismal. O carismático líder da SONAE, faleceu recentemente e o Estapafúrdios do Quotidiano mexeu uns cordelinhos com Deus, o Todo Poderoso, para saber como tem sido a adaptação de Belmiro de Azevedo à sua nova vida no Paraíso. Vejamos o que o velhote das barbas brancas tem a dizer sobre Belmiro de Azevedo...

 

RIC: Bom dia, idoso. Como vão esses ossos?

 

DEUS: Idoso é o senhor seu pai.

 

RIC: Oh, não fique assim. Tem de reconhecer que você já possui uns valentes séculos em cima...

 

DEUS: E...? Você sabe quem eu sou? Eu sou o Criador! O supra-supremo da vida. Fui eu que criei tudo o que conhece!

 

RIC: Isso é mentira!

 

DEUS: Está a chamar-me de mentiroso? Qual é o seu nome mesmo? Qual é o número de Cartão de Cidadão? É só para apontar aqui no meu bloco de notas em mármore, para não o deixar entrar no Paraíso...

 

RIC: Calma... Eu não o estou a chamar de mentiroso... Só estou a dizer que é, de facto, mentira que foi você, velhadas, a criar tudo o que conheço. Por exemplo, quem fez a minha filha fui eu. Não você. Quem a está a criar sou eu. Não você.

 

DEUS: Estás muito enganado, meu filho...

 

RIC: O quê? Por acaso está a insinuar que a minha filha não é, efectivamente, minha filha?! Ai o camandro... Bom, mas eu não estou aqui para discutir quem é o pai da minha filha. Nada que um bom teste de ADN não resolva... Eu queria fazer-lhe umas perguntas sobre o Belmiro de Azevedo.

 

DEUS: Jesus, credo!

 

RIC: O que foi? O que é que Jesus fez agora? Ele não deve ser flôr que se cheire, pois não? Enfim, putos... Dão mais trabalho que sei lá...

 

DEUS: Não, ser insignificante... O meu filho não fez mal nenhum, para além de passar a vida a partir-me tudo cá em casa por causa daquela enorme cruz de madeira com que ele anda às costas. Estava a referir-me ao Belmiro de Azevedo.

 

RIC: O que tem ele?

 

DEUS: É um chagas do pior.

 

RIC: Ai sim? Então porquê?

 

DEUS: Maldita a hora que o São Pedro o deixou entrar no Paraíso...

 

RIC: Ena... Isto está a ser mesmo complicado, hein...?

 

DEUS: Complicado? Está a ser horrível. Já estou em negociações com o Diabo para o despachar para o Inferno.

 

RIC: Então... mas porquê?

 

DEUS: Ele é chato. Já te tinha dito isso, ser insignificante.

 

RIC: Sim, eu percebi. Mas em que medida?

 

DEUS: Ele e as suas manias de empresário está a deixar-me louco. Tu acreditas que ele de hora em hora está a bater-me à porta com uma ideia nova para um negócio?

 

RIC: Que tipo de negócio?

 

DEUS: Olha, primeiro, assim que chegou ao Paraíso, quis criar uma empresa chamada Worten Paradise. Veio com a ideia absurda que os anjos estavam a morrer de tédio aqui no Paraíso. Então quis criar uma empresa que oferecesse traquitanas tecnológicas para eles comprarem e assim andarem entretidos. Até a mim me quis oferecer um iPhone X ou lá como isso se chama. Alguma vez eu ia substituir o meu bloco de notas em mármore por mariquices dessas?

 

RIC: Olha... E então? Como ficou isso?

 

DEUS: Não ficou. Mandei-o ir polir as asas de anjo... Depois, veio com a ideia de criar uma enorme cadeia de supermercados denominada de Modelo & Continente Paradise. Para assim os anjos poderem adquirir produtos alimentares para manterem uma dieta alimentar saudável.

 

RIC: Ah! E o que é que lhe disse?

 

DEUS: Disse que ele era estúpido. Os anjos já estão falecidos. Não precisam de se preocupar com dietas saudáveis.

 

RIC: Pois, tem toda a razão... Então e ele? Ficou-se por ai?

 

DEUS: Não! Depois de tantas negas, acho que ele chegou ao ponto da insanidade.

 

RIC: A sério? Então?

 

DEUS: Então, ó ser insignificante, tu acreditas que ele depois de levar com tanta rejeição da minha parte às ideias mirabolantes dele, surgiu com a ideia de criar uma empresa de serviços?

 

RIC: Serviços? Que tipo de serviços?

 

DEUS: Servicinhos...

 

RIC: Hum? Tipo, de limpezas...?

 

DEUS: Estou a ver que tu és ainda mais estúpido que ele... Uma empresa que fornecia servicinhos de meninas...

 

RIC: O quê? PEDÓFILIA?!

 

DEUS: Irra, que és mesmo do mais burro que há... Estou a falar de sexo, caramba. Ele disse que tinha a certeza que os anjinhos e anjinhas iriam ser muito mais felizes no Paraíso.

 

RIC: Eish, que loucura. Então o que foi que o meu caro velhadas fez? Deu mais uma nega, foi?

 

DEUS: Achas que eu ia desperdiçar uma oportunidade de negócios dessas? Aceitei logo e a empresa já está criada... Chama-se “O Sexo dos Anjos”, e está a correr muitíssimo bem...

 

RIC: UAU!

 

DEUS: Bom, e agora vou indo que tenho duas anjinhas suecas na minha suite, à espera que eu lhes ensine como foi que criei o universo, o Adão e a Eva e por aí afora...

 

RIC: Ah, seu velhote malandreco... Olha, ó Deus, tu achas que, antes de regressar à Terra, podia dar uma voltinha com umas suecas ou assim?

 

DEUS: NÃO! Tu vais é recambiado já lá para baixo! E se continuas a chatear-me a carola e a fazer-me perder tempo precioso com as anjinhas suecas, vais é já para o Inferno!

 

RIC: Oh, nada disso... Eu vou já indo, que até deixei uma panela de sopa ao lume e tal e coiso... Adeusinho e boa aula...

 

DEUS: Vá, andamento. E à saída não te esqueças de...

 

RIC: ...fechar a porta?

 

DEUS: Não. De deixares o teu número de Cartão de Cidadão!

 

RIC: Ora bolas...

belmiro.jpg

RIC