Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Estapafúrdios do Quotidiano

ADMEM — Associação dos Masturbadores em Movimento.

Avatar do autor estapafurdiosdoquotidiano, 09.12.14

Que o mundo está repleto de coisas bizarras, já não é novidade nenhuma. Mas há bizarrias que, mesmo sendo uma absoluta bizarria, não deixa de surpreender. É o caso do estapafúrdio de hoje. Nos Estados Unidos, uma mulher levou um motociclista a tribunal, acusando-o de se ter masturbado à frente dela, em plena auto-estrada e em movimento. Consta que não teve muito sucesso porque a juíza — que julgou o caso —, ilibou o motociclista. Ora, por mero acaso, descobrimos que existe uma associação das pessoas que se masturbam em movimento, e fomos falar com o seu presidente para sabermos mais sobre essa prática da masturbação em movimento. (Não é que estejamos muito interessados, e tal… (Quer dizer, o GIL sim…) mas é sempre bom saber o que se passa neste mundo, não é? Pois...)

 

RIC: Então o que vem a ser isto?!

 

Esgalha-o: O quê? Ah… Ah… Tão bom… Mas é tão bom…

 

RIC: Então mas você pede-me para vir ter consigo a casa, para depois o apanhar a masturbar-se à porta da rua, montado em cima de uma bicicleta de spinning?!

 

Esgalha-o: E então? Qual vem a ser o mal? Ah… Ah… Tão bom… Hum… Hum…

 

RIC: Pá, isso é nojento! Eu vou indo, que não estou para aturar depravados incontinentes!

 

Esgalha-o: Ah… Hum… Ai, ai que é agora… Ah, não… Isso, aguenta… Ah, tão bom… É tão bom… Não vá embora. Deixe-me falar-lhe… Ai, ai… Hum… Tão bom… Hum… Deixe-me explicar-lhe no que consiste a associação… Hum…

 

RIC: Tudo bem, eu não vou embora. Mas despache-se, que isso que você está a fazer é nojento. Seu taradão! Então no que consiste essa associação?

 

Esgalha-o: Ah… Hum… Ui, ui… Bom, a ADMEM é uma associação que foi criada por mim para dar suporte a todos os que gostam de sentir o prazer da masturbação em movimento. Ai… Ai… Ai, que excitação! Ai que é agora… Ai… Ai… Não, não… Retarda mais um pouco o prazer, isso… Isso…

 

RIC: E isso quer dizer que existe para aí uma carrada de pessoas que gostam de se masturbar em público? Ah, e em movimento? Isso é muito estúpido…

 

Esgalha-o: Não é nada estúpi… Ai! Ai! Calma… Isso, aguenta… Bom, onde é que eu ia? Ah, sim, masturbar-se em público e em movimento é tudo menos estúpido. Vê-se mesmo que você nunca experimentou fazê-lo em cima de mota, em plena auto-estrada.

 

RIC: Eu não! Além de ser perigoso, ainda pode ser considerado como uma «ofensa pública». Ainda ia preso. Nã, é que nem pensar nisso é bom…

 

Esgalha-o: É essa a sensação de perigo que ainda dá mais prazer ao acto de se masturbar em público e em movimento! Ah… Ah… Hum… Hum… Tão bom… Ui, que é tão bom… Você sabe lá o que é bom! Você sabe lá o que estar em plena auto-estrada, em cima de uma mota a masturbar-se, e ultrapassar um carro com uma loiraça toda boazona olhar para si e ficar de boca aberta… E esse pormenor de ela ficar de boca aberta faz fervilhar ainda mais o prazer de se masturbar. Porque imagina-se a boca dela a… Ah… Ui… Ah, tão bom… Hum… Hum… Só tem um senão: o facto de passar a vida a interromper ao acto da masturbação para retirar os mosquitos que se instalam no meu pénis. Mas já desenvolvi uma técnica que consiste em sacudir de um lado para o outro, para resolver o… Ai… Ui… problema.

 

RIC: Isso já é terrível de imaginar, quanto mais de assistir…

 

Esgalha-o: Ai! Ai! UI! Ai, que é agora! Ai, pois é! Ah, mas eu não aguento mais! Ai, que dor! Que dor! Ai, porra que dói tanto! Ai! Ai!

 

RIC: Ah pois deve doer, deve! Há horas que está aí a esgalhar o bicho, que já deve estar quase em sangue…

 

Esgalha-o: Nada disso! Dói-me é o pulso! Acho que abri o pulso! Amigo, dê-me aqui uma ajudinha a terminar o serviço…

 

RIC: Vai-te mas é encher de moscas, ó! Javardolas!

 

Esgalha-o: Oh, já não chegam os mosquitos, não?…

RIC