Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Estapafúrdios do Quotidiano

O truque para deixar as mulheres mais felizes!!

Avatar do autor estapafurdiosdoquotidiano, 07.02.14

Olá! Então, como estão os leitores hoje? Mais contentinhos, certo? É sexta-feira, e tal... Que maravilha! Está aí mais um fim‑de‑semana à porta! Yupiii! Alegria! Yiupiii! Só porque a vossa alegria está a deixar-me maldisposto, vou já estragar-vos o fim‑de‑semana. Atentem que, este fim‑de‑semana, vai ser chuvoso. Pimba! Queriam ir dar uma voltinha à avenida da praia e tal,  para aproveitar o sol do fim‑de‑semana... Queriam! Se bem que o mau tempo não é antónimo de ida à praia, para umas brincadeiras; se for o caso de irem para a praia do Meco, diz-se que de noite vivem-se autênticas aventuras! Mas que se tornam mais emocionantes, se forem vestidos de preto. Ora experimentem, e depois digam-me se valeu a pena: isto se estiverem cá para contar a história... 

 

Bom, passemos para coisas mais importantes. Vou agora dirigir-me especialmente à comunidade masculina. Vocês querem saber como é que se conquista uma mulher? É muito simples, de facto: basta fazê-la feliz. "Uau! Este pensa ter descoberto a pólvora! Obviamente que, para se conquistar uma mulher, é necessário fazê-la feliz. Mas, a questão primordial é: como é que se faz uma mulher feliz?!", perguntam os caríssimos leitores, ávidos por saberem técnicas exclusivas de "como fazer uma mulher feliz!" É preciso é ter calma, que eu passo já a responder. Não precisam de ser tão agressivos... 

 

Pesquisadores da Universidade de Michigan, conseguiram descobrir que, as pessoas, no geral, são bastante mais felizes quando fazem... (Ai, agora até vão ficar malucos com esta fantástica descoberta... Ui, se vão! Vão ficar extasiados! Possuídos pela loucura! Até vão começar a arrancar as unhas dos pés à dentada, revelando uma elasticidade que desconheciam...) COMPRAS! Isso! O paraíso para as mulheres! As mulheres adoram compras, por isso, é levá-las ao centro comercial durante um dia inteiro, que elas ficam loucas e nessa mesma noite, terão um louco serão de amorrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr! 

 

O Estapafúrdios do Quotidiano, decidiu que seria uma excelente ideia ir falar com uma conhecida "compradora compulsiva", a ex-concorrente da Casa dos Segredos – Fanny! Mais tarde, descobrimos que, afinal, até nem foi lá uma grande ideia... Ora fiquem com a conversa entre o nosso investigador Tibúrcio Tonicha, e a Fanny.  

 

Tibúrcio: 'Txé! Comé, dama? 'Tás a bater?!

 

Fanny: O quê, filho? 

 

Tibúrcio: 'Txé! 'Tou a falar contigo, dama! 

 

Fanny: Pois, isso já eu percebi, ó carneiro mal morto! Não estou é a perceber nada do que estás a dizer! 

 

Tibúrcio: 'Txé, como não? 

 

Fanny: Ó filho... Fala lá como deve ser, pá! Quem te ouve falar assim, pensa que és preto! E tu não és preto! És branco! Ou, como os pretos dizem: és um pula! E, se não começas a falar como deve ser, eu ponho-te a "pular" daqui para fora com um murro nos cornos! 

 

Tibúrcio: 'Txé! Dama, mas eu chamo-me Tibúrcio! E sabes como é dama: um mano tem de manter as aparências! 

 

Fanny: Tens é de manter essa tromba longe de mim, antes que leves uma lambada! Olha, nem é tarde, nem é cedo! 

 

(Fanny aplica uma valente chapada na fuça do Tibúrcio!)

 

Tibúrcio: Então, pá! Estás parva ou quê?! 'Pra que é que foi isso?! 

 

Fanny: Porque tu fazes-me fastio! Diz lá de uma vez por todas, o que é que queres aqui da esplendorosa, fantástica, maravilhosa e deusa suíça, a Fanny? 

 

Tibúrcio: Só queria saber se passar um dia inteiro nas compras, a deixa super feliz. É de conhecimento público que a Fanny...

 

Fanny: ... a esplendorosa, fantástica, maravilhosa e deusa suíça...

 

Tibúrcio: Sim, isso tudo... Bom, estava a perguntar se, de facto, um dia inteiro nas compras a deixa muito feliz? 

 

Fanny: Então não, "pula"! 

 

Tibúrcio: É Tibúrcio... 

 

Fanny: Tu és aquilo que eu quiser e, a partir deste instante, és o "pula". E pouco barulho, que é para não levares outra lambada! Bom, estava a dizer... Sim, um dia inteiro de compras, deixa-me super feliz e afasta-me a depressão... Enquanto uns bebem para esquecer, eu compro para esquecer. Tens que experimentar, ó "pula"... 

 

Tibúrcio: É Tibúrcio... Bom, então, e no amor? O que gosta de comprar para a fazer feliz...?

 

Fanny: Namorados. 

 

Tibúrcio: Hum? Namorados? Mas, como assim?

 

Fanny: Sim, o meu "puto"...

 

Tibúrcio: O seu "puto"...?

 

Fanny: Estás surdo, ó "pula"? Ou estás a fazer-te de "Tibúrcio"?

 

Tibúrcio: Mas... A Fanny está a dizer que comprou o seu actual namorado, de 16 anos? 

 

Fanny: Tu és mesmo burro, não és? Claro que comprei. O pai dele colocou-o à venda porque estava desconfiado que ele era gay, porque passava dias inteiros fechado no quarto a ver os episódios das "Navegantes da Lua, quando não estava a brincar com bonecas Barbie. Como se isso fosse o estereótipo do gay... Foi uma pechincha... 

 

Tibúrcio: Hum... E ele faz-a feliz...? Costumam ir às compras juntos, ao Centro Comercial...?

 

Fanny: Não, nem por isso "pula"... Ele não gosta lá muito de compras... 

 

Tibúrcio: Ai, não? Então não deve lá ser grande namorado... 

 

Fanny: Aí é que tu te enganas! Ele é o melhor namorado que já tive! Enquanto eu vou às compras, ele fica a arrumar-me a casa toda, e ainda lava-me e passa a ferro toda a roupa! Ah, e o melhor de tudo... Toma conta de todas as minhas bonecas Barbie, para elas não se sentirem sozinhas. Penteia-as, trata-lhe das roupas... 

 

Tibúrcio: Uma verdadeira "fada do lar", portanto...

 

Fanny: Sim, o que é que uma mulher poderia desejar mais? É o namorado perfeito... O meu "puto"!

 

RIC