Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Estapafúrdios do Quotidiano

ULTIMA HORA! Atentados em Lisboa reclamados por (mini) terroristas!

Avatar do autor estapafurdiosdoquotidiano, 24.03.17

 

Esta ultima semana tem sido marcada por diversos actos terroristas pela Europa. Um em Londres, onde 5 pessoas acabaram por falecer e mais de 40 ficaram feridas. E outro na Antuérpia - Bélgica, onde um carro tentou entrar numa zona comercial com o intuito de matar o maior número de pessoas possível. Felizmente este último acabou por ser impedido a tempo e ninguém ficou ferido. Hoje o Estapafúrdios do Quotidiano descobriu que também Portugal tem vindo a ser alvo de (mini) ataques terroristas...

Pensávamos nós que, até agora, Portugal tinha vindo a escapar aos ataques de terroristas por ser um país pequeno e com pouco interesse além fronteiras. Mas infelizmente descobrimos que tal não é verdade! Segundo parece também Portugal tem vindo a ser alvo de ataques terroristas nestas últimas duas semanas. Não acredita? Pois então leia o nosso estapafúrdio de hoje e tire as suas próprias conclusões...

 

GIL: Ora viva. Então é o senhor a mente criminosa por detrás dos ataques terroristas, a Lisboa, nestas últimas semanas?

 

Abdull Ant: Sou sim senhor!

 

GIL: Mas você é uma formiga...

 

Abdull Ant: E então?! Só quem nunca fez um pic-nic, ou acampou no meio do mato, é que duvida da capacidade terrorista de um grupo de formigas.

 

GIL: Ok, tudo bem... é certo que ter formigas na comida ou em cima de nós é muito chato, mas daí a auto-intitular-se “terrorista” só porque arruina tardes bem passadas, ainda vai um bom bocado, não acha?

 

Abdull Ant: Ah! Ah! Pobre infiel. Não sabes do que falas. Por ventura ouviste falar do acidente no viaduto de Alcântara? Soubeste que aquilo esteve quase, quase a cair, soubeste?! Pois bem... A culpa foi nossa! Foram dois dos nossos irmãos que rebentaram com aquilo. Pumba, toma lá que é para aprenderes a nunca duvidares das F.I.C.O.E.P. (Formigas Islâmicas Contra O Estado Português)!

 

GIL: Ai, sim... Muito Interessante. Mas ainda assim não me parece que tenha sido lá um grande acto terrorista. Nem sequer foram capazes de mandar o viaduto abaixo...

 

Abdull Ant: Pois não... Mas a culpa não foi minha. No.plano original era suposto terem sido 8 formigas a rebentar com o viaduto, e não 2!

 

GIL: Ah! Então e as outras desistiram, foi? Pois acontece... Tiveram medo. Isso ou descobriram umas côdeas de pão pelo caminho e voltaaram para trás. Ah! Ah! Ah!

 

Abdull Ant: Medo?! Medo?! Ah! Ah! Ah! Agora quem se ri sou eu... Ah! Ah Ah! Os irmãos da F.I.C.O.E.P. não têm medo de nada, meu amigo. Simplesmente houve um pequeno problema a semana passada... Segundo parece um dos nossos irmãos, o Samir, rebentou antes da data planeada.

 

GIL: Ah, pois, claro, imagino!

 

Abdull Ant: POR ALÁ, ESTÁS A GOZAR COMIGO! TU OLHA QUE EU REBENTO JÁ CONTIGO!

 

GIL: Não, não... Longe de mim fazer tal coisa. Fale-me mais sobre o triste desfecho do Samir, então.

 

Abdull Ant: Pois bem, ouviste falar sobre o buraco gigante que se abriu na Av. de Ceuta, a semana passada? Foi por culpa do Samir. Ele estava dentro do formigueiro a congeminar o plano para destruir a o viaduto e, acidentalmente, carregou no detonador e olha... KABUM! Samir pelos ares junto com mais 7 irmãos. E o pior é que apesar daquele buraco enorme nenhum de vocês, infiéis, ficou ferido. Raios...

 

GIL: Ah! Pois... Como é que eu não percebi logo que isso tinha sido um acto terrorista. Era óbvio! Então e agora, sem irmãos formigas para rebentar coisas acaba-se o F.I.C.O.E.P. não é verdade?!

 

Abdull Ant: O F.I.C.O.E.P. nunca irá acabar! Ainda ontem executámos outro ataque terrorista em Lisboa. E desta vez contámos com a ajuda dos nossos irmãos da P.I.C.O.E.P. (Peixes Islâmicos Contra O Estado Português)!

 

GIL: Uiii.... F.I.C.O.E.P. e P.I.C.O.E.P. juntas num ataque terrorista. Deve ter sido algo mesmo em grande. Nem sei como não vi nada nas notícias sobre isso.

 

Abdull Ant: Ah! Ah! Não viste porque os jornais Portugueses não querem que se saiba que estão em alerta vermelho! É por isso que eles mascaram nos nossos atentados... O buraco que fizemos, disseram que foi um deslizamento de terras. O viaduto que quase mandámos a baixo, culparam um camião, e ontem inventaram “uma greve da Transtejo” só para não divulgarem a verdade.

 

GIL: Espere lá... Está a querer dizer-me que foi a F.I.C.O.E.P. e a P.I.C.O.E.P. as principais responsáveis pela falta de barcos do Barreiro para Lisboa ontem?

 

Abdull Ant: Elementar meu caro amigo! Mohammed Al Corraz, um peixe treinado por nós desde que era uma pequena ova, rebentou com 2 motores dos catamarãs. E só para ter a noção do estrondo que foi fique sabendo que aquilo era peixe que só se alimentava de gasolina... Está a imaginar uma tainha? Ele era 3x pior!

 

GIL: Bem... Agora fiquei mesmo com medo de vocês. Isso quer dizer que vocês estão prontos para a guerra?!


Abdull Ant: Ah! Ah! Ah! Ainda você não viu nada... Depois de um inverno inteiro onde vocês passaram o tempo todo a comer sushi, deixe lá vir a época dos pic-nics e vai ver como elas mordem. Ou melhor... Como eles rebentam! AH! AH! AH! AH! KABUMMMMM!

 

GIL: Olha...Rebentou de tanto rir. Paciência.

formiga

GIL

 

 

A Síria está livre do terror! (Ou quase...)

Avatar do autor estapafurdiosdoquotidiano, 16.08.16

Olá, suas lagostas. Então, como vão esses valentes escaldões de Agosto? Têm doído muito depois de chegarem a casa e eliminarem essa quantidade absurda de sal do corpo, e depois deparem-se com a vossa imagem reflectida no espelho e exclamarem alto e em bom som "POOOOOORRAAAAA! QUE G'ANDA ESCALDÃO, PÁ"? Sim? Pois, temos pena, mas isso é um problema que é só vosso...

 

Bom, vamos para o estapafúrdio de hoje...

 

Os dias na Síria parecem que, aos poucos e poucos, vão encontrando o seu caminho da paz e sossego. Depois de vários anos controlada pelo Daesh, finalmente uma das cidades Sírias vê-se livre desses fanáticos capazes de assustar de medo o próprio susto, com os seus ataques bombistas e execuções de seres humanos das formas mais horríveis de se ver. A cidade de Manbij, situada na província de Aleppo, respira de alívio e os cidadãos saíram à rua para festejar a sua liberdade. O Estapafúrdios do Quotidiano decidiu enviar um enviado especial à Síria, para nos relatar na primeira pessoa de que forma os sírios festejam a saída do Daesh da cidade.

 


RIC: Olá, Zé Toino. Então, já sabemos que estás pelas ruas de Manbij. O que nos podes dizer sobre como estão as coisas por aí? Existem muitas pessoas na rua a festejar?

 

Zé: Olá, olá. Isto é a loucura aqui, RIC. Nem fazes ideia da confusão que vai para aqui!

 

RIC: Ai, sim? Então o que se passa?

 

Zé: São milhares, RIC. Andam pelas ruas a cantar e a dançar, parecem quase uma rave numa colónia de formigas. As pessoas andam de um lado para o outro que nem umas tontas. Nunca vi nada igual em toda a minha vida!

 

RIC: Ai é? Não me digas que isso parece uma espécie de festival BOOM, mas sem quantidades industriais de droga metido ao barulho?

 

Zé: É bem pior que isso! O que não falta aqui são drogas! Já vi crianças a fumarem valentes brocas! Mas não são umas brocas quaisquer, são mesmo king-size! É a loucura!

 

RIC: Eish... Isso está mesmo ao rubro!

 

Zé: Sim! Para teres uma ideia, os sírios estão a desfazer as barbas uns aos outros com catanas! Dizem que tinham de andar com a barba por fazer por causa do Daesh, e que sofriam horrores com as comichões que tinham por causa do calor que se faz sempre sentir aqui, mas que, após a saída do Daesh, finalmente já podem deixar de usar barba! E se tu soubesses as coisas que eles guardavam debaixo das barbas por causa do Daesh, ficavas maluco!

 

RIC: Que coisas?

 

Zé: Olha, estou aqui ao lado de um sírio que acabou de desfazer a sua barba com um x-acto, e à medida que a barba ia desaparecendo, foi surgindo várias coisas como por exemplo; uma fisga, um conjunto de facas de cozinha, 4 embalagens de preservativos e até um iPhone 6s.

 

RIC: Um iPhone? Ele tinha um iPhone escondido por debaixo da barba? Para quê?

 

Zé: Como o Daesh proibia todo esse tipo de coisas, eles tiveram de usar as barbas para esconder esses bens materiais. E aqui este sírio-ex-barbudo diz que usa o iPhone para jogar Pokémon Go. E que tinha de jogar às escondidas na rua, e nada melhor do que a barba para esconder o aparelho. Ele diz que agora já pode apanhar os pokémons que lhe faltam, mais concretamente o Dragonite e o Mewtwo — que, segundo ele, são os mais fortes do jogo.

 

RIC: Ah, 'tá giro. E mais? O que se passa mais por aí?

 

Zé: RIC, as sírias estão doidas! Estão a despir as burkas e a revelar verdadeiros segredos obscuros que por lá se escondiam!

 

RIC: Hum... Segredos obscuros? Como assim?

 

Zé: Olha, por exemplo, existe aqui uma mulher que está completamente nua e, após retirar a burka, descobriu-se que tem mais tatuagens no corpo todo do que a própria Ana Malhoa.

 

RIC: Tatuagens? Que tipo de tatuagens?

 

Zé: São várias e para todos os gostos! Ela tem uma no braço que diz "Síria 2016, Amor de Mãe". Ou outra na nádega direita com o símbolo da coelhinha da Playboy! Até encontrei aqui uma síria com a cara do Cristiano Ronaldo tatuado nas costas! E nem vais acreditar, mas até encontrei uma outra com uma tatuagem no braço com a cara da mãe do Ronaldo, a dona Dolores, a dizer "Dolores, a Mãe Exemplo". Isto há aqui de tudo.

 

RIC: Hum, ok. Então e depois de despirem as burkas, as mulheres são alguma coisinha de jeito ou nem por isso?

 

Zé: RIC, são verdadeiros monumentos! Algumas até têm buço, que escondiam por debaixo da burka!

 

RIC: Blarrghhh!

 

Zé: Bom, agora tenho de ir...

 

RIC: Sim, acho que já chega. Já relataste na perfeição a alegria que os habitantes de Manbij vivem neste momento! Já podes regressar a Portugal.

 

Zé: Regressar? Isso está fora de hipótese! Eu já não saio daqui!

 

RIC: Então?!

 

Zé: Só se eu fosse maluco é que ia desperdiçar a oportunidade de me envolver com uma mulher de sonho como é o caso destas sírias... Mulheres com buço, piercings, tatuagens e até com a depilação por fazer, sempre foram o meu tipo de mulher! Agora vou indo, que tenho aqui uma síria peluda, peituda e com mais de cem quilos de peso a fazer-me olhinhos... Adeus!

 

RIC: Ah... Ok, ok... Então adeusinho e tal... Vê lá se tens é cuidado não vá uma delas ter uma bomba escondida no...

 

"KAAAAABUUUUUUUMMMMMMMM!"

 

RIC: Tarde demais...

 

 

RIC