Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Estapafúrdios do Quotidiano

Filho de Kapinha vale €50.00

Avatar do autor estapafurdiosdoquotidiano, 29.04.14

Tu, tu, turu... ruu... ruuu...

Tu, tu, turu... ruu... ruuu...

Tu, tu, turu... turu... turu... turu...

Tu, tu, turuuuu..

 

Sejam bem vindos ao mais recente e fantástico programa da TV: "Adivinhe o nome do Mimikas! E eu assumo que sou maricas! Ou então dou-lhe €50..." - título by Kapinha, atenção! Não se ponham já aí com bocas foleiras!

 

É verdade, Jorge Kapinha foi pai. Como é que tal coisa aconteceu? Ninguém sabe... Há quem diga que foi por fertilização In Vitro, outros dizem que foi através de fertilização In Plástico e, outros ainda, juram a pés juntos que foi graças a um Vudu envolvendo o sacrifício de uma cabra. (Parece que desde que o tipo esteve lá na tribo nunca mais foi o mesmo.) O que é certo é que o Mimikas está aí, vivinho da silva, e com muito para dar aos seus papás. Já o mesmo não se pode dizer sobre os pais dele, visto que, para além de ainda não lhe terem dado um nome como deve ser, estão a fazer apostas sobre qual será o nome... O Estapafúrdios do Quotidiano decidiu ir falar com o Kapinha para tentar saber, afinal de contas, qual é o raio do nome do puto.

 

GIL: Ora viva! Então, ó Kapinha... Como é que isso vai?

Kapinha: És a Rainha da Noite... Serás... Assim...

 

GIL: Ei, ei... Então? Vamos lá a ver as confianças! Eu não te conheço, para andares por aí a chamar-me Rainha da Noite, olha agora...

 

Kapinha: Ai, desculpa... Estava entretido a cantar... Queres um autógrafo, é?

GIL: Qual autografo, qual carapuças, pá... Eu vim aqui só para saber qual é que vai ser o nome do... do... do Mimikas!

 

Kapinha: Uiii... Pensas que é assim, não? Se queres saber tens de adivinhar! Até te digo mais. Se descobrires dou-te cinquenta euros. Isso ou um beijo nesses lábios carnudos.

 

GIL: Ei...Ei... Menos... Sai para lá tribufu!

 

Kapinha: Erraste! Não é Tribufu.

 

GIL: Mas errei o quê, pá! Eu não estava a adivinhar... 


Kapinha: Então vá... Tenta... Tens 3 tentativas.

 

GIL: Hum... Gustavo?

 

Kapinha: Ai gostava, gostava... Gostava de te apanhar a sós... Ui, se gostava... Mas não é esse. Tenta outra vez.

 

GIL: Mau... Outra vez essa conversa? Pronto, já sei. Deves ter escolhido um daqueles nomes que agora estão na moda: Bernardo, será?

 

Kapinha: Aii Bernardo... Por acaso conheci uma vez um Bernardo... Uiii! Mas não, falhas-te! Tenta de novo.

 

GIL: Hum... Será que é um nome, dito, "normal". João?!

 

Kapinha: Quase, fofo... Quase... Começa por J. Mas não é esse... Como tu és um queriducho dou-te mais uma oportunidade...

 

GIL: Então já sei! José. É isso, não é?

 

Kapinha: Isso mesmo! Vês, como és esperto! Vai-se chamar José, em honra do Padrasto dele... Ai, tonto, quero dizer: do Padrinho dele. O José Castelo Branco.

 

GIL: Uiiii... Eu sabia que esse devia andar por aí ao barulho... Tu e ele ficaram muito amigos lá na Tribo, não foi?

 

Kapinha: Não parvo... Não foi lá. Nós nem estávamos na mesma tribo. Foi depois... Conhecemo-nos num grupo de "Tribólicos Anónimos", onde partilhávamos histórias sobre as terríveis provas que tivemos de ultrapassar. Foi um horror! A minha sorte foi que ele apoiou-me imenso... E pronto, ficamos logo amigos do peito...

 

GIL: Pois, imagino... Devem é ter ficado amigos de outra parte do corpo, mas ok. Então pronto, adivinhei o nome do puto. Passa para cá os €50!

 

Kapinha: Na, nani, na, não! Isso era se tivesses adivinhado em 3 tentativas. Como precisas-te de 4 só tens direito a uma bejufa nessa boca... Ora chega lá aqui...

 

GIL: Chego, chego... Então não chego... "Ó abre"! Pobre Mimikas José, que belo Pai que te foi calhar...

GIL